AGUARDE
15 agosto 2017

10 fatos sobre Jordy Smith, o novo líder do CT

Depois de ficar em terceiro lugar no Tahiti Pro, o sul-africano Jordy Smith assumiu a liderança do ranking da elite do surfe mundial. A briga está cada vez mais acirrada, mas sem sombra de dúvida o gigante de Durban é um dos principais candidatos ao caneco mais cobiçado da WSL. Confira algumas curiosidades sobre o surfista de 29 anos. 

 

- Ele é um dos surfistas mais altos do Tour

Ele tem 1,88 m; Só fica atrás do australiano Owen Wright, que tem 1,90  de altura. 

 

- Se não fosse surfista, seria jogador de futebol 

Jordy começou a jogar futebol aos cinco anos e jogou em um time até seus 12 anos de idade. Apesar de habilidoso com a bola, ele preferiu focar no surfe. 

 

- Entrou para a elite em 2008

Não foi um ano muito positivo e ele finalizou em 26º no ranking. Ficou em nono em 3 provas: Gold Coast, Jeffreys Bay e Trestles.

 

- Primeira vitória no CT 

Aconteceu em 2010 na etapa de Jeffreys Bay, África do Sul, com o apoio da torcida local. Na bateria final ele não deu chances para o australiano Adam Melling. 

 

 

- Vice-campeão mundial em 2010

No mesmo ano em que conquistou sua primeira vitória Jordy teve outros resultados consistentes e terminou a temporada como número 2 do ranking mundial.

 

- Segunda vitória em J-Bay

Em 2011 Jordy voltou a vencer em casa. Dessa vez a vítima foi o australiano Mick Fanning.

- Vitória no Rio de Janeiro

Em 2013 Jordy Smith surpreendeu ao derrotar o brasileiro Ariano de Souza no Rio Pro. As ondas estavam pequenas, mas o sul-africano apresentou um arsenal de aéreos impecável. 

 

 

- Lesão em 2015

Uma lesão nas costas sofrida durante uma sessão de freesurf tirou Jordy da corrida pelo título mundial de 2015. Ele chegou a competir na etapa de J-Bay, mas foi eliminado na segunda fase. Depois disso Jordy desfalcou as quatro etapas seguinte e só retornou ao tour no Pipe Masters. 

 

- Perrengue em Margaret River

Foram 30 segundos de tensão.  Durante a bateria da quarta fase do Margaret River Pro 2017 o sul-africano ficou preso pelo strep às pedras no fundo do mar e passou por momentos dramáticos. Tentava subir, mas não conseguia. Depois de uma tentativa, ele soltou o strep da perna, soltando a prancha e foi socorrido pelo jet-ski logo depois. 

 

- Aposta de Shaun Tomson

O campeão mundial de surfe de 1977 aposta no compatriota Jordy Smith para o título mundial. “Eu fui campeão há 40 anos, seria maravilhoso se o Jordy ganhasse esse ano”, revelou Shaun em entrevista durante o J-Bay Open 2017. 

 

Fotos: WSL

Tags:
COMPARTILHAR