AGUARDE
06 março 2015

Aéreo é coisa de mulher!

Conheça algumas surfistas que decolam com muito estilo

Nesta sexta-feira a brasileira Silvana Lima deu um show de surfe na etapa de abertura do WCT em Snapper Rocks, na Austrália. Em ondas de meio metro e séries um pouco maiores, a cearense abusou dos aéreos, arrancou o primeiro 10 da competição e garantiu sua classificação para as quartas de final. A vítima foi a australiana Sally Fitzgibbons, que mesmo com o apoio da torcida local, não conseguiu superar a brasileira de 30 anos.

Silvana Lima já mostrou que voltou para o WCT disposta a conquistar o tão sonhado título mundial e uma de suas principais armas nessa batalha é o aéreo, mas ela não é a única mulher que tem a manobra no pé. A diferença é que nem todas se sentem à vontade para realizar a manobra durante as competições.

Bethany Hamilton

A havaiana de 25 anos é um exemplo de superação e determinação. O acidente que lhe deixou sem o braço esquerdo não a impediu de competir contra as melhores surfistas do mundo de igual pra igual e realizar aéreos alucinantes como esse reverso no vídeo abaixo:

Carissa Moore

Desde sua aparição aos oito anos de idade no filme de surfe feminino Modus Mix Carissa Moore já tinha deixado rastros do que estava por vir. A havaiana, bicampeã do WCT, tem um surfe agressivo e não é de hoje que os aéreos fazem parte do seu repertório de manobras.

Lakey Peterson

A norte-americana de 20 anos, que estreou no WCT em 2012, é a prova concreta de que as mulheres estão arriscando manobras aéreas cada vez mais cedo. Lakey tem um surfe arisco e tem plena consciência que os aéreos fazem a diferença numa competição.

Sally Fitzgibbons

Vice-campeã mundial de 2011 e 2012 a australiana Sally Fitzgibbons busca a evolução de seu surfe constantemente. No vídeo abaixo ela aparece decolando numa piscina de ondas. Nada mal né?

Gilvanilta Ferreira

Em meio a tantas estrelas da WSL a gente destaca a surfista potiguar Gilvanilta Ferreira, um talento do surfe nacional que, infelizmente, não tem patrocínio para participar de eventos internacionais. No vídeo abaixo ela mostra que aprendeu o dever de casa direitinho com seu conterrâneo Jadson Andre.

Tags:
COMPARTILHAR