AGUARDE
12 junho 2015

Brasileiros começam bem em Fiji

Já temos 5 surfistas garantidos no terceiro round. Alejo Muniz e Gabriel Medina foram os destaques!


Dos oito representantes, cinco avançaram direto para terceira fase com destaque para o campeão mundial e defensor do título, Gabriel Medina. Após uma longa espera, finalmente foi dada a largada da quinta etapa do circuito da elite mundial, que tem como cenário as esquerdas perfeitas de Cloudbreak e Restaurants no paradisíaco arquipélago de Fiji. Em ondas que variaram de um a dois metros na rasa bancada de Cloudbreak, o dia começou bem para o Brasil com a vitória de Alejo Muniz sobre os norte-americanos Kolohe Andino e Kelly Slater.

Ítalo se mostrou a vontade no primeiro round em Fiji

Além de Alejo, que compete na vaga do taitiano Michel Bourez que segue lesionado, Wiggolly Dantas, Gabriel Medina, Jadson André e Italo Farreira também avançaram direto para a terceira fase. O destaque brasileiro ficou por conta do atual campeão mundial e defensor do título da prova, Gabriel Medina. Com um surfe sólido, veloz e muito preciso, o paulista não deu chances para o francês Jeremy Flores e o veterano yankee CJ Hobgood. Além da maior nota do evento (9,23), Medina cravou ainda o melhor somatório, 17,13 pontos de 20 possíveis.
Gabriel Medina, que ocupa atualmente a incômoda décima nona colocação no ranking, parece estar se sentindo em casa.

"Eu amo Fiji, adoro surfar essas esquerdas perfeitas aqui de Cloudbreak e Restaurants, estou muito feliz por estar aqui novamente e só quero surfar o meu melhor para ir passando as baterias.

Depois da apresentação impressionante de Medina, o Brasil voltou a vencer com o potiguar Jadson André, na décima bateria do dia. Com dois sete altas conquistados após sequências de manobras na parte mais crítica da onda, Jadson desbancou os australianos Adam Melling e Julian Wilson. Quem também se junta ao quarteto, é o estreante do ano na elite, Italo Ferreira. No último confronto do dia, Italo exibiu uma bela leitura de ondas, manobras de borda e claro, uma dose certa de progressividade para desbancar ninguém menos do que o campeão mundial de 2012, Joel Parkinson e o experiente havaiano Fredrick Patacchia.

Wiggolly Dantas também está garantido no terceiro round

Infelizmente o dia não foi só de vitórias para o time brasileiro e Adriano de Souza, Filipe Toledo e Miguel Pupo terão que disputar a repescagem. Enquanto Mineirinho, que defende a liderança do ranking sofreu para encontrar as ondas ao longo dos 35 minutos de bateria, sendo superado pelo aussie Kai Otton, Filipe Toledo também não entrou em sintonia com Cloudbreak, e acabou caindo nas principais oportunidades que teve.
Os líderes do ranking vão abrir a segunda fase enfrentando os surfistas de Fiji que estão competindo como convidados. A primeira chamada para a bateria de Adriano de Souza com Iria Nakalevu, foi marcada para as 7h30 com previsão de início as 8h00 do sábado em Fiji, 17h00 da sexta-feira pelo fuso horário de Brasília. Filipe Toledo entra na seguinte com Aca Ravulo e o também paulista Miguel Pupo na décima com o havaiano Fredrick Patacchia.

PRIMEIRA FASE DO FIJI PRO - Vitória=Terceira Fase / 2.o e 3.o=Segunda Fase:

1.a: 1-Alejo Muniz (BRA)=12.20, 2-Kolohe Andino (EUA)=11.54, 3-Kelly Slater (EUA)=11.37
2.a: 1-Taj Burrow (AUS)=12.33, 2-Matt Banting (AUS)=11.13, 3-Aritz Aranburu (ESP)=10.50
3.a: 1-Wiggolly Dantas (BRA)=13.84, 2-Jay Davies (AUS)=13.17, 3-Josh Kerr (AUS)=5.07
4.a: 1-Adrian Buchan (AUS)=15.16, 2-Dane Reynolds (EUA)=8.53, 3-Filipe Toledo (BRA)=8.50
5.a: 1-Mick Fanning (AUS)=13.77, 2-Ricardo Christie (NZL)=9.26, 3-Aca Ravulo (FJI)=5.40
6.a: 1-Kai Otton (AUS)=15.60, 2-Adriano de Souza (BRA)=8.86, 3-Inia Nakalevu (FJI)=5.30
7.a: 1-Gabriel Medina (BRA)=17.13, 2-Jeremy Flores (FRA)=13.93, 3-C. J. Hobgood (EUA)=10.67
8.a: 1-Sebastian Zietz (HAV)=14.00, 2-Owen Wright (AUS)=13.67, 3-Dusty Payne (HAV)=7.50
9.a: 1-Nat Young (EUA)=13.00, 2-Miguel Pupo (BRA)=11.57, 3-Glenn Hall (IRL)=10.77
10: 1-Jadson André (BRA)=15.17, 2-Adam Melling (AUS)=14.60, 3-Julian Wilson (AUS)=11.34
11: 1-Keanu Asing (HAV)=11.50, 2-Bede Durbidge (AUS)=10.93, 3-Matt Wilkinson (AUS)=6.33
12: 1-Italo Ferreira (BRA)=15.97, 2-Joel Parkinson (AUS)=15.20, 3-Fredrick Patacchia (HAV)=11.47

SEGUNDA FASE - Vitória=Terceira Fase / Derrota=25.o lugar com 500 pontos:
1.a: Adriano de Souza (BRA) x Iria Nakalevu (FJI)
2.a: Filipe Toledo (BRA) x Aca Ravulo (FJI)
3.a: Josh Kerr (AUS) x Dane Reynolds (EUA)
4.a: Kelly Slater (EUA) x Jay Davies (AUS)
5.a: Owen Wright (AUS) x Aritz Aranburu (ESP)
6.a: Julian Wilson (AUS) x C. J. Hobgood (EUA)
7.a: Bede Durbidge (AUS) x Dusty Payne (HAV)
8.a: Joel Parkinson (AUS) x Glenn Hall (IRL)
9.a: Matt Wilkinson (AUS) x Adam Melling (AUS)
10: Miguel Pupo (BRA) x Fredrick Patacchia (HAV)
11: Jeremy Flores (FRA) x Ricardo Christie (NZL)
12: Kolohe Andino (EUA) x Matt Banting (AUS)

Tags:
COMPARTILHAR