AGUARDE
12 dezembro 2018

Briga no Havaí

Confronto entre o brasileiro Michael Rodrigues e o havaiano Tanner Hendrickson viraliza e tem outras repercussões

 A disputa pelo título mundial de surfe foi ofuscada nessa terça-feira, 11 de dezembro, por uma briga entre o havaiano Tanner Hendrickson e o brasileiro Michael Rodrigues. Michael que estava participando de uma live no youtube do canal OFF foi surpreendido quando subia as escadas da areia de Pipeline rumo a rua.

O vídeo que viralizou nas redes sociais ainda está disponível no site da Stab, que fez várias matérias sobre o ocorrido.

Numa dessas matérias está uma entrevista com Tanner Hendrickson que explicou que os atritos entre os dois começaram em Açores em 2017, quando Michael o atropelou e não pediu desculpas. Já nesse ano no US Open, enquanto estava sentado se concentrando para entrar na bateria, Michael se abaixou e começou a tirar a cordinha dele. Sem entender nada, ele deixou passar a bateria e quando foi reclamar com o diretor de prova da WSL América do Norte ainda foi ridicularizado por Michael e amigos por ter ido atrás de punição para o brasileiro. Ainda de acordo com o próprio Tanner o clima entre os dois nunca foi amigável nas outras vezes que eles se encontraram, inclusive na própria terça-feira, eles já tinham se esbarrado e se estranhado.

Para Tanner, o brasileiro instigou a briga porque sabia que estava sendo filmado e sem nenhum contexto prévio, ele estaria errado.

Num áudio que está circulando no whatsapp, Michael Rodrigues afirma que está bem e que já estava correndo atrás das medidas legais junto a polícia local e a World Surf League.

A entidade fez um stories no Instagram e afirmou que Tanner Hendrickson está suspenso de todos os eventos deles até que os fatos sejam apurados. Com isso, o surfista, que é local de Maui, está fora da triagem do Pipe Masters, que provavelmente vai para água hoje.

Nas redes sociais, a briga ganhou uma grande repercussão e através do Instagram dá para ver que apesar de muitos brasileiros terem ficado indignados com a atitude do havaiano teve muito compatriota do Michael concordando com a atitude do havaiano, justificando que o Michael estava chato demais e desrespeitando as pessoas.

 

 

 

Tags:
COMPARTILHAR