AGUARDE
09 maio 2015

Domingo de decisão no Maracanã do surfe

Bom Dia Saquarema, com Bianca Medeiros

O Woohoo vai te deixar por dentro de tudo o que acontece na praia de Itaúna, em Saquarema, no Rio de Janeiro, com uma série de programetes exclusivos. No Bom Dia Saquarema, que vai ao ar no canal a partir das 9 horas e também aqui no woohoo.com.br você vai poder conferir as imagens do freesurfe pela manhã e saber tudo o que acontece no Maracanã do surfe.

_____________________________________________________________________________
As ondas amanheceram menores neste domingo, 10 de maio, com cerca de 1 metro. Porém as séries demoradas estão sendo um desafio maior para os 12 surfistas que amanheceram com chances de título no Saquarema Pro 2015.

Na primeira bateria do dia, a quinta da quarta fase, o australiano Tom Whitaker achou um 9 que fez a diferença e venceu seu compatriota Ryan Callinan, que estava brigando por pontos no ranking do QS de olho na vaga do Rio Pro.

Logo depois, Caio Ibelli quase matou sua torcida do coração. Num embate marcado por séries muito demoradas, ele conseguiu a virada nos minutos finais e se juntou a Alex Ribeiro que está nas quartas de final.

As ondas vão melhorar quando a maré secar e estou muito feliz por ter passado mais uma bateria.

As séries demoradas, por enquanto, é o grande destaque do dia decisivo do Saquarema Pro 2015.

_____________________________________________________________________________
O sábado, dia 9 de maio, amanheceu praticamente sem vento aqui na praia de Itaúna, palco do Saquarema Pro 2015. As ondas estão consistentes com 1 metro e meio e a primeira bateria de hoje foi para água às 6:45h.

Abaixo as bateias já confirmadas que vão acontecer neste sábado, penúltimo dia do Saquarema Pro 2015.

2ª FASE

7ª bateria: Adam Melling (AUS), Nic Von Rupp (PRT), Hiroto Ohhara (JPN), Micheal Wright (AUS)

8ª bateria: Ryan Callinan (AUS), Jonathan Gonzalez (CNY), Caio Ibelli (BRA), Bino Lopes (BRA)

9ª bateria: Wiggolly Dantas (BRA), Fredrick Patacchia (HAV), Luke Davis (EUA), Tom Whitaker (AUS)

10ª bateria: Dion Atkinson (AUS), Carlos Munoz (CRI), Michael Dunphy (EUA), Maxime Huscenot (FRA)

11ª bateria: Matt Banting (AUS), Billy Stairmand (NZL), Perth Standlick (AUS), Soli Bailey (AUS)

12ª bateria: Jeremy Flores (FRA), Jessé Mendes (BRA), Steven Pierson (TAH), Kanoa Igarashi (EUA)

 

3ª FASE

1ª bateria: Stu Kennedy (AUS), Alex Ribeiro (BRA), Granger Larsen (HAV)

2ª bateria: Italo Ferreira (BRA), Jack Freestone (AUS), Nathan Yeomans (EUA)

3ª bateria: Dusty Payne (HAV), Joan Duru (FRA), Cooper Chapman (AUS)

4ª bateria: Connor O´Leary (AUS), Noe Mar McGonagle (CRI), Thomas Woods (AUS)

_____________________________________________________________________________
A sexta-feira, 8 de maio, amanheceu na praia de Itaúna com um forte vento sudeste. As ondas, que estão maiores, com cerca de 1 metro e meio, estavam muito mexidas e por isso a organização do evento resolveu realizar uma segunda chamada às 11 horas da manhã.

Às 11 horas, as ondas não melhoraram apesar do vento ter diminuido um pouco e uma terceira chamada foi dada para às 13 horas, quando oficialmente o evento foi cancelado nesta sexta-feira, 8 de maio.

A próxima chamada será neste sábado, às 6:30h.

O Saquarema Pro está paralisado na sétima bateria da segunda fase e tem janela de espera para acontecer até o próximo domingo, dia 10 de maio.
2ª fase do Saquarema Pro:
1ª bateria: 1-Stu Kennedy (AUS), 2-Nathan Yeomans (EUA), 3-Adrian Buchan (AUS), 4-Matt Wilkinson (AUS)
2ª bateria: 1-Jack Freestone (AUS), 2-Alex Ribeiro (BRA), 3-Michael Rodrigues (BRA), 4-David do Carmo (BRA)
3ª bateria: 1-Italo Ferreira (BRA), 2-Granger Larsen (HAV), 3-Takumi Yasui (JPN), 4-Alejo Muniz (BRA)
4ª bateria: 1-Joan Duru (FRA), 2-Connor O´Leary (EUA), 3-Marlon Lipke (PRT), 4-Marco Giorgi (URU)
5ª bateria: 1-Dusty Payne (HAV), 2-Noe Mar McGonagle (CRI), 3-Conner Coffin (EUA), 4-Wade Carmichael (AUS)
6ª bateria: 1-Thomas Woods (AUS), 2-Cooper Chapman (AUS), 3-Mitch Coleborn (AUS), 4-Aritz Aranburu (ESP)

------------baterias restante:
7ª bateria: Adam Melling (AUS), Nic Von Rupp (PRT), Hiroto Ohhara (JPN), Micheal Wright (AUS)
8ª bateria: Ryan Callinan (AUS), Jonathan Gonzalez (CNY), Caio Ibelli (BRA), Bino Lopes (BRA)
9ª bateria: Wiggolly Dantas (BRA), Fredrick Patacchia (HAV), Luke Davis (EUA), Tom Whitaker (AUS)
10ª bateria: Dion Atkinson (AUS), Carlos Munoz (CRI), Michael Dunphy (EUA), Maxime Huscenot (FRA)
11ª bateria: Matt Banting (AUS), Billy Stairmand (NZL), Perth Standlick (AUS), Soli Bailey (AUS)
12ª bateria: Jeremy Flores (FRA), Jessé Mendes (BRA), Steven Pierson (TAH), Kanoa Igarashi (EUA)

_____________________________________________________________________________
As ondas amanheceram mais limpas nesta quinta-feira, dia 7 de maio, na praia de Itaúna, em Saquarema, palco do segundo evento do QS 10000 na temporada de 2015. A ondulação ainda vem de sudoeste e as séries estão demoradas.

Os organizadores do Saquarema Pro vão finalizar as oito baterias que restam da primeira fase, e por volta do meio-dia, eles vão fazer uma nova analise nas condições do mar para definir se continuaram com a segunda rodada ou se esperam sexta-feira, que tem previsão de ondas melhores._____________________________________________________________________________
A quarta-feira, dia 6 de maio, é o primeiro dia de ação no Saquarema Pro, segundo QS 10000 de 2015. O evento que tem janela de espera para acontecer até domingo, 10 de maio, começou com ondas de 1 metro e séries maiores. A ondulação está de sudoeste e apesar de não ser a ideal para a praia de Itaúna tem onda como disse o surfista Jesse Mendes, que só estreia na bateria de número 23.

A ondulação não é tão boa para a esquerda de Itaúna, por isso está balançado. Mas tem onda e já está melhorando.

O big rider Marcos Monteiro, que estava escalado para a triagem ao lado dos conterrâneos Yan Guimarães, Lucas Chumbinho e Léo Neves, não pode competir devido a uma lesão. Quem venceu a triagem foi Yan Guimarães, que apesar de continuar a surfar, voltou a estudar por falta de apoio no esporte.

Resultados:

Bateria 1

1 - Adrian Buchan - 14.17

2 - Alex Ribeiro - 14.14

3 - Torrey Meister - 10.50

4 -Tomas Fernandes - 6.50

Bateria 2

1 - Stuart Kennedy - 11.76

2 - Michel Rodrigues - 11.50

3 - Krystian Kymerson - 10.60

4 - Marco Fernandes - 8.90

Bateria 3

1 - Jack Freestone - 13.00

2 - Nathan Yeomans - 12.60

3 - Mateia Hiquily - 9.33

4 - Tanner Gudauskas - 7.57

Bateria 4

1 - David do Carmo - 13.10

2 - Matt Wilkinson - 12.53

3 - Leandro Usuna - 12.00

4 - Beyrick De Vries - 10.83

Bateria 5
1 - Italo Ferreira - 14.23
2 - Marco Giorgi - 11.67
3 - Ian Gouveia - 11.37
4 - Santiago Muniz - 9.34

Bateria 6
1 - Alejo Muniz - 16.17
2 - Marlon Lipke - 13.14
3 - Ramzi Boukhiam - 13.00
4 - Yadin Nicol - 10.43

Bateria 7
1 - Joan Duru - 14.90
2 - Granger Larsen - 13.67
3 - Hizunome Bettero - 12.93
4 - Garret Parkes - 7.73

Bateria 8
1 - Connor O'Leary - 10.43
2 - Takumi Yasui - 8.16
3 - Glenn Hall - 8.06
4 - Vasco Ribeiro - 4.53

Bateria 9
1 - Noe McGonagle - 13.57
2 - Thomas Woods - 11.24
3 - Keanu Asing - 10.74
4 - Brent Dorrington - 5.80

Bateria 10
1 - Dusty Payne - 16.96
2 - Aritz Arunburu - 11.26
3 - Kiron Jabour - 10.73
4 - Cahill Bell-Warren - 6.64

Bateria 11
1 - Cooper Chapman - 14.00
2 - Wade Carmichael - 12.47
3 - Nathan Hedge - 12.26
4 - Jean da Silva - 10.06

Bateria 12
1 - Mitch Coleborn - 13.17
2 - Conner Coffin - 11.40
3 - Yan Guimarães - 10.07
4 - Cory Arrambide - 7.50

Bateria 13
1 - Michael Wright - 16.83
2 - Caio Ibelli - 15.43
3 - Jadson André - 12.50
4 - Hiroto Arai - 9.00

Bateria 14
1 - Nic Von Rupp - 14.10
2 - Jonathan González - 13.57
3 - Tomas Hermes - 13.56
4 - Thiago Camarão - 10.97

Bateria 15
1 - Ryan Callinan - 15.67
2 - Hiroto Ohhara - 12.30
3 - Brett Simpson - 10.57
4 - Gonzalo Zubizarreta - 9.93

Bateria 16
1 - Bino Lopes - 12.87
2 - Adam Melling -12.80
3 - Patrick Gudauskas - 12.73
4 - Lucas Silveira - 9.90

_____________________________________________________________________________
O segundo QS 10000 da temporada de 2015 que acontece na praia de Itaúna, em Saquarema, no Rio de Janeiro, começou com folga para os 96 inscritos. A terça-feira, 5 de maio, apresentou ondas com cerca de meio metro e séries bastante demoradas, por isso a organização da prova optou por aguardar melhores condições. De acordo com surfista local, Lucas Chumbinho, a decisão foi acertada.

Hoje o mar está bem pequeno e irregular e tem previsão de vento para o dia todo. Acredito que os próximos dias prometem.

Foto: PedroMonteiro_Adding

Foto: PedroMonteiro_Adding

 

 

Tags:
COMPARTILHAR