AGUARDE
28 agosto 2018

Felipe Gustavo comemora cena atual do skate brasileiro

O skatista brasiliense que mora há 12 anos em Los Angeles é figurinha carimbada em campeonatos no exterior e agora está de volta às competições nacionais de olho em uma vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio em 2020.

Foto: Instagram Felipe Gustavo

Nascido no Guará, em Brasília, Felipe Gustavo Macedo, tinha apenas 15 anos de idade quando decidiu deixar a sua cidade natal para tentar alavancar a carreira sobre 4 rodinhas nos Estados Unidos.

Hoje, com 27 anos, o Buxexa, como é chamado pela galera das antigas, é integrante da primeira seleção brasileira de street, formada neste ano de olho na estreia da modalidade na Olimpíada de Tóquio, em 2020.

Outra providência tomada pela Confederação Brasileira de Skate em 2018, presidida atualmente por Bob Burnquist e dirigida por Sandro Dias, foi criar um circuito nacional consistente para as duas modalidades que estarão em disputa em Tóquio: park e street. O STU Qualifying Series, também servirá para compor um ranking do país para a formação da nossa equipe a partir de 2019. Por isso, Felipe, que mora em Los Angeles há 12 anos, desembarcou por aqui para tentar garantir o seu nome entre os representantes da bandeira verde e amarela nos Jogos Olímpicos.

O Woohoo aproveitou a oportunidade para saber o que o brasiliense está achando de voltar a competir em solo brasileiro. O skatista, que esse ano já foi vice-campeão do Tampa Pro, também comparou o cenário das competições internacionais com o nacional e comemorou o atual momento do esporte no país.

 

Tags:
COMPARTILHAR