AGUARDE
18 outubro 2018

Filipinho perde e Gabriel Medina avança no CT de Portugal

O paulista e Italo Ferreira são o Brasil nas quartas de final

A quinta-feira foi de decepção e glória em Peniche, Portugal. Isso porque dos oito brasileiros classificados na terceira fase da décima etapa do CT 2018, apenas dois avançaram para a rodada seguinte. A baixa mais importante foi a do paulista Filipe Toledo, que perdeu o embate para o francês Joan Duru, por uma diferença de 0,4 pontos. Filipinho estava na briga direta pelo título mundial e viu o sonho de garantir o seu primeiro caneco de melhor surfista do planeta ficar ainda mais distante.

 


Joan Duru colocou pra dentro em Supertubos (Foto: WSL)

GABRIEL JÁ ESTÁ NAS QUARTAS DE FINAL

Seu adversário, o também brasileiro Gabriel Medina, já tinha feito o dever de casa na bateria anterior, ao superar o algoz de Filipe na França, o australiano Ryan Callinan. O campeão do mundo em 2014 ainda chegou mais perto do bicampeonato mundial ao passar para as quartas de final.

Precisando urgentemente de bons resultados, Jesse Mendes deu adeus ao CT de Portugal ao sucumbir diante de Italo Ferreira. O potiguar, por sua vez, competiu de novo nessa quinta-feira, e já está classificado para as quartas de final, assim como Gabriel Medina. Resta uma bateria da quarta fase, justamente a que contém Julian Wilson, único surfista que pode levar a decisão do título mundial para o Havaí. Para isso, ele precisa chegar às semifinais na terrinha. Uma nova chamada está marcada para as 8h da manhã dessa sexta-feira em Peniche, 4h da madrugada no horário de Brasília.

Tags:
COMPARTILHAR