AGUARDE
23 setembro 2019

Frederico Morais vence Azores Airlines Pro

Com a terceira colocação Miguel Pupo está matematicamente classificado para o CT 2020

E chegou ao fim mais uma etapa da divisão de acesso na categoria masculina. Dessa vez, o Azores Airlines Pro consagrou, neste fim de semana, e de forma histórica, o português Frederico Morais como campeão.

O surfista que levou os seus 6.000 pontos no QS foi o primeiro português a chegar na final e vencer nos Açores, em um evento amplamente dominado pelos brasileiros.

Frederico veio discreto no início da competição, mas em ótimas condições, fez bonito contra o australiano Mitch Crews fazendo um 8.50 e um 7.43  somando 15.93 dos 20 possíveis. Já o adversário, teve problema com seu equipamento, perdeu tempo e não conseguiu fazer uma boa pontuação, somando  apenas 6.10 pontos.

Mas, mesmo com o resultado, o surfista australiano ficou feliz com sua colocação, já que vinha de resultados ruins nos últimos anos.
Já o português pulou para a décima colocação no ranking da divisão de acesso.

Na semi, Frederico havia vencido o francês Gatien Delahaye com duas notas maiores que oito. Já o vencedor da etapa de Pantin, Miguel Pupo, tirou nas quartas o brasileiro Luel Felipe da competição e chegou na semi, contra o segundo colocado do evento Mitch Crew, fazendo um somatório de ondas muito baixas: 4.57. Mas, com a terceira colocação Miguel está matematicamente classificado para o CT 2020!

 

 

 

Tags:
COMPARTILHAR