AGUARDE
10 setembro 2018

Iguais por natureza!

WSL iguala premiação em dinheiro entre homens e mulheres

Horas depois de revelar o calendário oficial do Championship Tour 2019, a World Surf League anunciou que no ano que vem, homens e mulheres receberão a mesma quantia em dinheiro como premiação em todos os eventos chancelados pela entidade. A iniciativa marca o reconhecimento do surfe feminino e faz da WSL a primeira Liga Mundial com base nos Estados Unidos a igualar a premiação entre gêneros. Mas Sophie Goldschmidt, CEO da World Surf League, demonstrou que esse processo não é de hoje: "Isso nos leva até 2013, quando a nova administração tomou posse. E naquela época, eles decidiram que queriam investir e se comprometer com o surfe feminino. Então desde aquela dia, nós fizemos mais eventos para as mulheres, aumentamos o número de mulheres surfando, aumentamos a premiação em dinheiro. Investimos em marketing e promoções. Então isso (igualdade de premiação) é um passo natural, sempre falamos que seria inevitável e o momento é agora."

 


A medida foi comemorada em outras modalidades do surfe como big wave e longboard. (Foto: @paigealms)
 

Tops da elite como Lakey Peterson, Kelly Slater e Stephanie Gilmore também deram o seu recado sobre a igualdade de premiação em dinheiro para homens e mulheres.

 

Lakey Peterson, atual vice-líder do ranking feminino: 

É simplesmente incrível receber uma notícia dessa. Eu me sinto mais motivada do que nunca para o ano que vem e o resto da temporada. Eu me sinto grata à WSL por dar esse passo no surfe feminino.

 

Kelly Slater, 11 vezes campeão mundial de surfe:

Em geral, eu estou orgulhoso do nosso esporte estar fazendo isso, de dar esse exemplo. Espero que outros esportes nos sigam. Espero que um dia a gente olhe pra trás e diga: "o surfe foi o primeiro esporte a fazer isso e agora está acontecendo
com todos os esportes."

 

Stephanie Gilmore, 6 vezes campeã mundial de surfe:

Quando me contaram da igualdade de premiação para homens e mulheres na WSL, eu meio que chorei. Eu me arrepiei e ficava: "ai meu Deus, não acredito! Era um sonho.

 


Stephanie é a atual líder do ranking das mulheres. (Foto: WSL/Kelly Cestari)

Foto de capa: WSL/Kelly Cestari

Tags:
COMPARTILHAR