AGUARDE
26 março 2016

Matt Wilkinson segue com a lycra amarela

Vencedor da primeira etapa garante vaga direto para a terceira fase

Considerado uma das surpresas do evento da Gold Coast, na Australia, onde conquistou sua primeira vitória entre os melhores do mundo, Matt Wilkinson chegou em Bells Beach, Victoria, também Austrália, com a lycra amarela de líder do ranking. Escalado para a nona bateria da primeira fase contra Miguel Pupo e Kolohe Andino, Wilko seguiu apostando na força de seu backside para vencer sem dificuldades seus adversários.

Espero que eu continue vencendo nas próximas rodadas. As ondas estão ganhando volume e a previsão é boa

Kai Otton se emociona após homenagear a família de um amigo em Bells Beach. Foto Reprodução WSL

Kai vence e se emociona. Foto Reprodução WSL

Logo na primeira bateria do dia, Kai Otton, que recentemente esteve com o filho internado no hospital e viu seu amigo se envolver num acidente de carro sério, mandou Alex Ribeiro e Kelly Slater para a repescagem. Na entrevista pós bateria, Kai tentou mandar um recado para o amigo, mas as lágrimas falaram mais alto.
Logo depois, Joel Parkinson, Taj Burrow e Sebastian Zietz enfrentaram uma bateria marcada pelas séries demoradas. Mesmo com poucas ondas surfadas, Parko e Zietz alcançaram um somatório mediano.

Do time verde e amarelo que surfou neste sábado na Austrália, o único que salvou a pátria foi o paulista, local de Ubatuba, Wiggolly Dantas. Guiei caiu na penúltima bateria da primeira rodada e venceu de virada em cima do australiano Matt Banting e Josh Kerr. Precisando de um 6.91, Guigui soube aproveitar a prioridade e escolheu a melhor onda da última série do embate para mandar uma sequência de manobras no crítico e arrancar um 7 dos juízes.
Wiggolly Dantas é um dos três brasileiros que já estão garantidos na terceira rodada. Foto: World Surf League

Wiggolly Dantas é um dos três brasileiros que já estão garantidos na terceira rodada. Foto: World Surf League

Na última bateria da primeira fase masculina, John John Florence foi preciso e decidiu a disputa contra Jadson André e Jordy Smith logo com suas duas primeiras das três ondas surfadas.

Com a primeira fase da categoria masculina finalizada, as meninas voltaram para a água e realizaram a segunda e terceira rodadas. A francesa Johanne Defay, que está evoluindo muito a cada bateria, a tricampeã mundial Carissa Moore e a vice-campeã de 2015 Courtney Conlogue repetiram na terceira rodada a vitória da primeira fase e já estão nas quartas de final, assim como Sally Fitzgibbons, que mandou a convidado Brisa Hennessy para casa na segunda série e depois venceu Stephanie Gilmore e Alessa Quizon para ganhar uma fase de descanso.
O quarteto aguarda os resultados das quatro baterias abaixo para conhecerem suas adversárias.
Chave de bateria 4ª fase CT feminino.

Chave de bateria 4ª fase CT feminino.

 
No terceiro episódio do Projeto Ozzie, Bruno Bocayuva destacou a vitória de Matt Wilkinson, que o levou da primeira fase direto para a terceira rodada e a atuação de Stephanie Glmore, que passou um sufoco para vencer sua comaptriota Laura Enever.

Tags:
COMPARTILHAR