AGUARDE
16 janeiro 2018

Miguel Pupo não se dá por vencido e avança para as quartas de final no QS 3000 de Israel

Próxima chamada do evento acontece somente dia 19 de janeiro,

Depois da maratona de baterias ontem, 15 de janeiro, em Kontiki Beach, a terça-feira amanheceu com ondas menores e a organização realizou apenas oito embates do QS de nível 3 mil de Israel.

Ainda na segunda-feira, o destaque ficou por conta do californiano Key Kobayashi, que roubou a cena e fez um dos maiores somatórios do evento até agora. O brasileiro Miguel Pupo, que deu início à campanha de reclassificação para a elite do surfe mundial também não ficou atrás e foi responsável por boas performances em Netânia.

Hoje, as quartas de final foram definidas. O japonês Reo Inaba foi o primeiro a se classificar, junto com o sul-africano Mattew McGillivray. Com apenas cinco ondas surfadas, Reo somou 14,83 e acumulou a terceira vitória consecutiva no evento.

Na sequência, foi a vez do francês Jorgann Couzinet avançar para as quartas. O surfista da Ilhas Reunião aplicou o seu jogo de rasgadas e garantiu a vaga na fase seguinte, seguido do norte-americano já mencionado aqui Key Kobayashi.

O terceiro confronto da quarta fase foi complicado para o paulista Miguel Pupo. O francês Charly Martin deu trabalho ao ex-top do CT quando começou o embate com uma nota 8, no entanto, o filho mais velho da família Pupo não se deu por vencido e arrancou um 8,43 dos juízes, se classificando para as quartas na primeira posição, seguido do surfista francês.

O último confronto do dia foi dobradinha francesa. Maxime Huscenot e Nelson Cloarec conquistaram as duas últimas vagas das quartas de final, com Maxime garantindo a vitória logo no começo da bateria.

A previsão para Kontiki Beach nos próximos dias não é animadora e a organização já decretou a quarta e a quinta-feira de folgas no QS de Israel. Dessa forma, a próxima chamada do evento acontece somente na sexta-feira, dia 19 de janeiro, ao meio-dia por lá, 8 da manhã aqui no Brasil. 

Tags:
COMPARTILHAR