AGUARDE
12 março 2017

Mundial de ondas grandes reduzido

WSL divulga calendário do tour 2017/2018 com apenas quatro etapas

Após anunciar que o sul-africano Grant “Twiggy” Baker e que a havaiana Paige Alms foram os campeões do Big Wave Tour 2016/2017, a World Surf League disponibilizou na página deles os eventos programados para esta temporada.

Enquanto no circuito que passou tivemos a abertura da janela de espera de seis provas, dessa vez o título será decidido com um tour composto por apenas quatro desafios.


Twiggy é bicampeão mundial de ondas grandes. Foto: WSL / Tony Heff

O cronograma divulgado prevê a realização de dois eventos entre os dias primeiro de maio e 31 de agosto: um em Pico Alto, Lima, no Peru, e  outro em Puerto Escondido, no México. Já entre os dias 15 de outubro e 31 de dezembro a expectativa ficará em torno de Nazaré, Portugal, e Jaws, no Havaí.

Diferentemente dos demais circuitos da WSL, no Big Wave Tour os eventos só acontecem quando as ondas atingem um tamanho mínimo, por isso muitas provas podem ter sua janela de espera finalizadas sem a definição de um campeão.

O circuito feminino, que teve uma estreia tão comemorada no início de 2016, ainda não tem nenhum evento no calendário.


Paige Alms é a primeira campeã mundial do BWT feminino. Foto: WSL / Tony Heff

O tour 2017/2018 além de não contar com a possibilidade da realização de eventos em Punta Lobos, no Chile, e Todos os Santos, no México, também vai terminar mais cedo. Isso porque a janela de espera de algumas provas que ia até 28 de fevereiro, agora serão encerradas no último dia do ano.

Para ver a participação de Pedro Calado, vice-campeão mundial do BWT 2016/2017, no primeiro Cravando a borda de 2017, clique aqui!

Tags:
COMPARTILHAR