AGUARDE
22 abril 2019

Os primeiros eliminados de Bells Beach

Competição volta pra água e chega na terceira rodada masculina e feminina

Após três dias de folga, por falta de ondas, o CT de Bells Beach voltou para água nessa segunda-feira, 22 de abril, em Winkipop, pico alternativo da segunda etapa do CT 2019. Diante de uma previsão nada animadora, os organizadores aproveitaram as ondas de um metro com séries maiores e realizaram seis baterias do confornto masculino e oito embates da categoria feminina.

Brasil emplacou mais seis competidores na terceira fase do CT de Bells. FotoDunbar / WSL

Na primeira batalha do dia, o paulista Deivid Silva só surfou três ondas para derrotar o taitiano Michel Bourez por 10,67 a 10,60 pontos, com o australiano Reef Heazlewood ficando em último com 10,34. Dois brasileiros entraram no confronto seguinte e perderam para o havaiano John John Florence. Na briga pela segunda vaga direta para a terceira fase, Willian Cardoso superou o paulista Jessé Mendes por pouco, 7,67 a 7,53 pontos.

O paranaense Peterson Crisanto estreou na bateria que fechou a primeira fase e só surfou as duas ondas que são computadas nos resultados. A melhor foi a última que valeu 5,87 e a sua primeira vitória no CT por 10,87 pontos. O japonês Kanoa Igarashi passou em segundo com 10,46 e o australiano Mikey Wright ficou em terceiro com 9,33.

 

Finalizada a primeira fase masculina, foi a vez das mulheres estrearem em Bells Beach. O destaque da primeira rodada foi a defensora do título da etapa, Stephanie Gilmore, que cravou 15.50 pontos na terceira bateria. Quem passou com ela para a fase seguinte nesse embate foi a trialista Kobie Enright, que mandou Bronte Macaulay para a repescagem.

Apesar de ter sentido dificuldade por conta das ondas, Steph protagonizou a melhor atuação das mulheres nessa segunda-feira. Foto: Matt Dunbar / WSL

Além da dupla, vale destacar a classificação direto para a terceira rodada da brasileira Tatiana Weston-Webon, da líder do ranking Caroline Marks, da amerocana Lakey Peterson e das havaianas Coco Ho e Carissa Moore.

Após essa fase, os homens voltaram para água para a realização da repescagem. Desses quatro confrontos acabaram eliminados os trialistas Harrison Mann e Xavier Huxtable, o brasileiro Jesse Mendes e o francês Joan Duru.

Já a repescagem feminina significou o fim da linha para a australiana Kelly Andrew e para a neozelandesa Paige Hareb.

Uma nova chamada está marcada para essa terça-feira, às 6:30 no horário local, 17:30H de segunda, no horário de Brasília. Mas segundo Bruno Bocayuva, que faz a cibertura da perna australiana para o Woohoo a competição só deve voltar pra água no final da semana, quando um swell volta a balançar as ondas na região.

 

Tags:
COMPARTILHAR