AGUARDE
17 maio 2016

Segurança reforçada no Rio Pro

Depois da passarela condenada pela Defesa Civil, o chefe de segurança da WSL, David Wood, teve que aumentar o número de seguranças na praia

A torcida brasileira encanta pela enorme vontade de torcer e estar perto de seus ídolos. A multidão que lotou a praia do Postinho, na Barra da Tijuca, em 2015, impressionou e fez com que a organização do Rio Pro chegasse até a construir uma passarela ligando o palanque à água, que mais tarde teve que ser desmontada por causa das ressacas do mar. A questão é que a WSL sabe do alvoroço que os melhores surfistas do mundo causam na praia e reforçou a guarda dos tops do CT esse ano. Nossa equipe que bate ponto todos os dias, seja no Postinho ou em Grumari, entrevistou o chefe de segurança da entidade máxima do surfe, David Wood, que fala um pouco sobre essa estratégia.

 

O estreante Kanoa Igarashi sendo escoltado na praia. (Foto: WSL)

O estreante Kanoa Igarashi sendo escoltado na praia. (Foto: WSL)

 

"Depois do ano passado, que nós fomos “esmagados” pela multidão - o que é fantástico, amamos. Nós aumentamos o número de seguranças. Infelizmente, tínhamos um ótimo plano de colocar a passarela da área dos atletas até a água. Então o público passaria por baixo e os atletas, por cima, mas com a ressaca, nós perdemos. Foi tudo por água abaixo. Vindo para Grumari, nós aumentos o número de seguranças para ajudar na escolta da ida dos atletas para a água e tornar tudo mais seguro".

 

Davey Cathels e Julian Wilson saindo da água com os seguranças. (Foto: WSL)

Davey Cathels e Julian Wilson saindo da água com os seguranças. (Foto: WSL)


Se a gente tiver bastante gente por aqui, nós vamos dar conta

Perguntando sobre a quantidade de público recebida até o momento durante o Rio Pro, Wood foi categórico.

 

"É difícil para gente porque ainda não podemos dizer a quantidade de público até que o evento acabe, mas temos equipe para isso. Então se a gente tiver bastante gente por aqui, nós vamos dar conta".

 

O campeão mundial Adriano de Souza com s seguranças da WSL. (Foto: WSL)

O campeão mundial Adriano de Souza com s seguranças da WSL. (Foto: WSL)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Tags:
COMPARTILHAR