AGUARDE
22 setembro 2016

Sofi Tukker, o som eletrônico com influência brasileira

Terceiro episódio da série Twelve, do John John Florence, destaca música de uma dupla de Nova York, que canta em português

Quem já assistiu o terceiro episódio da série Twelve provavelmente prestou uma atenção maior na trilha sonora. Isso porque uma das músicas da parte de Jeffrey’s Bay, na África do Sul, mistura eletrônico com letra em português.

O responsável pelo som é o duo Sofi Tukker, que é formado pela alemã Sophie Hawley-Weid e pelo americano e ex-jogador de basquete Tucker Halpern. Apesar da nacionalidade dos dois não ter nenhuma relação com o Brasil ou qualquer outro país da América do Sul e África, o som dessas duas regiões influência diretamente o trabalho da dupla, que canta em português e também em inglês no EP "Soft Animals.

Sophie nasceu na Alemanha e já morou em vários paises, mas foram os seis meses que ela passou no Brasil que mais influenciaram o lado musical dela, que diz amar o fato da música pulsar em todos os lugares no Brasil. Por conta disso, quando perguntam de onde ela é, ela gosta de dizer que se tornou brasileira.

Numa entrevista publicada no site Wonder Land in rave a dupla revelou o desejo de trabalhar com Karol Conka.

Nós iríamos amar em trabalhar com Karol Conka, somos grandes fãs.

Com o primeiro EP lançado em julho de 2016, Sofi Tukker foi um dos destaques do South by Southwest, um conjunto de festivais de cinema, música e tecnologia, que acontece anualmente no Texas, Estados Unidos.

A música usada no terceiro episódio de Twelve, Drinkee, por enquanto a que tem feito mais sucesso.

A expectativa da dupla é ter um final de ano animado, já que além do Vintage Culture ter feito uma versão de Drinkee, eles também conseguiram emplacar uma música na trilha oficial do jogo Fifa 2017 e estão fazendo sucesso também fora dos Estados Unidos.


                      O duo comemorou a entrada na trilha oficial do Fifa 2017

 

 

Tags:
COMPARTILHAR