AGUARDE
11 outubro 2016

Vai um Photoshop aí?

Ilustração: Andy Massena

Há poucos dias um site de publicidade relembrou uma seção extinta que mostrava os erros bizarros em fotos com a utilização do Photoshop. Numa destas fotos víamos modelos magérrimas com braços e pernas manipulados no Photoshop para afiná-los ainda mais. Em outro exemplo a lutadora de MMA, Ronda Rousey teria postado uma foto sua no programa The Tonight Show, com seus braços e rosto mais magros, nitidamente alterados digitalmente. Após comentários negativos a atleta alegou que repostou uma foto enviada por terceiros, disse em sua conta do Instagram: "Isso vai contra tudo que acredito e sou extremamente orgulhosa de cada polegada do meu corpo. Posso garantir a todos vocês que isso nunca mais acontecerá. Eu não poderia estar mais chocada e espero que vocês me perdoem."

Com a mesma indignação a cantora Manu Gavassi deu um depoimento dizendo que não se reconheceu na capa de uma revista para a qual posou para uma matéria... Disse que parecia mais uma boneca de cera do que humana. Essa declaração acabou inspirando a criação da hashtag #MeSintoLindaComoSou, onde mulheres compartilharam fotos e texto de autoestima.

Com todos os recursos de edição de imagem e filtros dos aplicativos de foto, são poucas as pessoas que resistem a dar uma "valorizada" na imagem. E se você não faz, fazem por você… Vale lembrar que não existe um aplicativo que manipula a essência das pessoas, não existe um software que preenche o vazio de quem vive de farsas e não se reconhece nas fotos manipuladas dos perfis e postagens das redes sociais. 

Cuidemos de algo que não tem Photoshop que dê jeito, cuidemos de nosso caráter e do que representamos para quem guardará a nossa imagem real, fruto da convivência e das atitudes diárias, uma imagem que vai além do físico e que verdadeiramente representa o que é ser um belo ser humano.

Tags:
COMPARTILHAR